Entenda a importância da conduta ética no ambiente de trabalho

Entenda a importância da conduta ética no ambiente de trabalho

6 minutos de leitura

Ter uma carreira de sucesso abrange inúmeros fatores. Dentre eles estão: planejamento e aperfeiçoamento profissional, desenvolvimento de competências e cultivo de relacionamento interpessoal. Mas o que muitos profissionais esquecem é que a conduta ética no ambiente de trabalho é tão importante quanto as habilidades técnicas.

Posturas orientadas por valores éticos e morais tornam as organizações ambientes mais produtivos, favoráveis ao aprendizado e estimulantes para quem deseja se aperfeiçoar. Mais do que isso, colaboradores que se atentam para essa prática são valorizados nas organizações e costumam se sobressair sobre os demais.

Abordaremos aqui a importância de atitudes éticas no ambiente de trabalho. Falaremos como elas podem te ajudar a se diferenciar e ter destaque na empresa em que trabalha.

Entendendo a Ética

Antes de aprofundar o tema em relação ao ambiente corporativo, é preciso saber: o que é Ética?

A Ética pode ser entendida como o conjunto de princípios que fundamentam a conduta humana com base nos valores de um determinado indivíduo ou de uma coletividade. A Ética vai além do Direito e da Moral, por não sofrer influências históricas e não depender de sanções para ser exercida.

Até pouco tempo, era incomum falar sobre ética nos negócios, já que as atividades realizadas no âmbito empresarial eram ligadas apenas à eficiência, ao desempenho e aos processos. No entanto, com o aumento da preocupação com o ambiente de trabalho, com a satisfação dos colaboradores e com o alcance rápido de resultados, a atenção para esse conceito passou a ser constante nas organizações.

A importância da conduta ética no ambiente de trabalho

Condutas éticas geram reflexos positivos, tanto para a organização quanto para seus empregados, na medida em que aumentam a produtividade, estimulam a harmonia no ambiente de trabalho e ajudam no desenvolvimento profissional dos que o compõem.

Estimular a ética no ambiente de trabalho deve ser um objetivo visado por todos que fazem parte do meio corporativo. Encorajar o relacionamento saudável, por meio do incentivo de práticas marcadas pelo respeito mútuo e honestidade, contribuirá para a construção de uma boa imagem para a empresa.

Os colaboradores que embasam suas ações e comportamentos visando ao respeito e à cooperação também se beneficiam por um ambiente de trabalho ético. Criar e cultivar laços com outros funcionários e líderes, desenvolver uma reputação positiva e promover um ambiente de trabalho harmonioso certamente gerarão reflexos benéficos para a carreira de quem adota um rígido código de conduta profissional.

Postura profissional e crescimento no mercado

Sabemos que o mercado de trabalho e os ambientes profissionais estão cada dia mais competitivos. No entanto, isso não significa que no lugar de uma competição saudável entre funcionários, baseada na valorização do aprendizado, deva se estabelecer o desvio de conduta ou a falta de caráter.

Espaço para bons e bem preparados profissionais existe, com reconhecimento do esforço e do trabalho em equipe pautado pela ética. Afinal, sobressair-se por sua habilidade é muito mais interessante do que tomar comportamentos antiéticos para tal, como menosprezar o trabalho de colegas de trabalho, roubar ideias ou mentir.

Tenha em mente que as habilidades técnicas e todo o esforço de aprendizagem que você teve até então não serão suficientes se a empresa em que trabalha entender que não pode depositar em você confiança e grandes responsabilidades.

Códigos de ética

O Código de Ética é um conjunto de normas que orientam as ações de uma determinada classe, constituindo verdadeiros imperativos — impondo condutas — às ações no exercício de uma atividade profissional. Podem ser profissionais (quando elaborados por conselhos de classe) ou empresariais (em que estão contidos os valores e princípios da organização).

Leia também -  Encargos financeiros sobre empréstimos e financiamentos

Códigos de Ética são importantes ferramentas de orientação quanto às condutas éticas e morais empresariais. Faz parte do dever de cada profissional conhecer os de suas respectivas ocupações e atuar de acordo com as orientações contidas nele.

O contador, por exemplo, possui um Código de Ética Profissional que estabelece, entre outras coisas, os deveres e vedações a serem observados em sua atividade. Exercer as atribuições com zelo, diligência, honestidade e capacidade técnica são alguns dos princípios abordados pela norma.

Atitudes positivas

Apesar desses códigos proporcionarem uma orientação para o modo de agir, não é possível dizer que existe uma ética padrão, especialmente nas relações de trabalho. Existem comportamentos que devem ser praticados independentemente de estarem normatizados ou da posição hierárquica do indivíduo.

Educação e respeito entre todos

As regras para um ambiente corporativo não diferem tanto das que se deve seguir no dia a dia. Com a diferença que as consequências de uma má conduta no trabalho costuma gerar reflexos mais graves.

Ainda assim, ter educação ao fazer uma crítica, respeitar a privacidade dos colegas e não abrir documentos que não são de seu interesse são algumas condutas básicas que devem ser observadas.

Manutenção de um ambiente de trabalho saudável e harmonioso

Um ambiente em que as pessoas se estimulam e desenvolvem relações de cooperação e cordialidade é vantajoso para todos. Por isso, atitudes como colaborar com fofocas, falar mal do chefe ou realizar brincadeiras de mau gosto não são indicadas. A regra aqui é simples: não fazer com o outro o que não gostaria que fizessem com você.

Também é importante evitar situações-limite, que podem levar a desfechos desagradáveis e irreversíveis, como paquerar algum colega ou subordinado. Casos como esses podem abalar gravemente o ambiente de trabalho, afetando o desempenho de todos os envolvidos e gerando uma má reputação para os gestores e colaboradores.

Obediência às regras e hierarquia da empresa

Respeitar a hierarquia é premissa básica de um ambiente empresarial. Não atentar para essa regra e deixar a amizade ou inimizade interferirem nas relações de trabalho são faltas graves. Obediência e subordinação às regras também são condutas éticas e que valorizam a sua postura profissional.

Ao contrário do que muitos acreditam, o incentivo à conduta ética no ambiente de trabalho não significa necessariamente estabelecer uma rígida disciplina aos funcionários. Um círculo profissional marcado por padrões éticos gerará benefícios para todos os que fazem parte dele, favorecendo o crescimento da empresa e o aperfeiçoamento dos colaboradores.

Gostou deste artigo sobre conduta ética no ambiente de trabalho? Agora quer saber como criar um planejamento de carreira adequado aos seus anseios e capaz de proporcionar sua realização profissional? Clique aqui para que a BLB Brasil Escola de Negócios possa te ajudar!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *