Ética empresarial: saiba o que é e qual a sua importância

Ética empresarial: saiba o que é e qual a sua importância

6 minutos de leitura

Ética: esse é um dos assuntos mais discutidos atualmente. São muitos os escândalos que envolvem a falta de ética empresarial e política. Estampando, diariamente, revistas, jornais e noticiários por todo o país.

No mês de outubro, por exemplo, tivemos eleições para prefeito. Mais de 25 milhões de brasileiros deixaram de comparecer às urnas para votar. O índice de abstenção superou os 17,5% e impressionou autoridades e políticos.

Muitos deixaram de ir por desacreditar nos políticos, principalmente, pela falta de ética em suas atitudes. Diante de uma situação como essa, como ficam as imagens das organizações? Descubra nos tópicos a seguir mais sobre a ética empresarial!

O significado de ética

A ética é a parte da filosofia dedicada aos assuntos morais. Palavra derivada do grego, ela significa “aquilo que pertence ao caráter”. Para facilitar a sua compreensão, traremos este conceito para o nosso cotidiano. Basta examinar as condutas que você adota no dia a dia. Ou a de outros profissionais como um jornalista, um advogado ou um político. Os comportamentos identificados se referem à ética.

Algumas pessoas confundem a ética com as leis que regem nossas vidas. As leis usam princípios éticos para serem estabelecidas. Quem não as cumprir pode sofrer sanções. Já a ética não faz com que indivíduos sejam compelidos pelos demais ou o Estado por desobediência às normas éticas que regem nossa sociedade.

Isso já não acontece dentro das organizações públicas ou privadas, quando estas são estabelecidas e as empresas podem cobrar dos seus por obediência. É o que podemos chamar de ética empresarial.

A ética empresarial

Agora que você assimilou mais sobre o conceito de ética, vamos aprofundá-lo em relação às organizações empresariais. A ética empresarial determina a moral e a conduta dentro das empresas.

Quando uma organização entra no mercado, independentemente do porte dela, ela deve seguir alguns conceitos relacionados à ética empresarial. Antigamente, este termo era algo incomum. A atividade empresarial estava associada à eficácia dos processos e aos resultados financeiros que eles poderiam trazer.

A postura ética adotada por empresários e profissionais que trabalhavam para as organizações era algo implícito, que estava vinculado à formação de cada um.

A ética empresarial está relacionada aos valores morais e éticos de uma empresa dentro do seu ramo de atuação, assim como diante de seus clientes e concorrentes. Os valores dela são os mesmos que regem a ética como um todo e a conduta dos relacionamentos no meio social.

O impacto da ética em uma empresa

Quando uma organização adota e aplica a ética em seus princípios básicos, ela desenvolve potencial para crescer de maneira sustentável. Ela é vista pelos clientes como uma empresa séria e que tem responsabilidade.

As organizações que desrespeitam seus consumidores, fazem propagandas enganosas ou ofertas falsas — principalmente, com o intuito de ganhar dinheiro mais rapidamente — são condenadas ao fracasso. O sucesso dessas organizações costuma ser passageiro e, da mesma forma que ela cresceu, ela encolhe até desaparecer.

Dentro da organização, a ética empresarial fomenta boas relações tanto entre os próprios colaboradores quanto em relação aos clientes. O relacionamento entre todos passa a ser mais claro, tornando-se agradável para todos os níveis.

Atualmente, no mundo corporativo, a ética empresarial passou a ser vista como meta essencial a ser alcançada. O cultivo dela dentro das organizações passou a ser tratado com tanta importância quanto os resultados, sucesso financeiro, inovação e excelência.

Leia também -  Confira 9 técnicas de negociação para colocar em prática na sua empresa

Para que a seriedade dos propósitos e a transparência na administração das empresas ficassem em evidência, gestores e colaboradores passaram a identificar os valores e a missão das empresas para o qual atuam. É por meio desse mecanismo que a ética de cada organização passou a ser vista de forma mais clara.

Problemas relacionados com as atitudes das empresas e que foram vistas pela população de modo geral como ilegais — montadoras de carros que adulteram o modelo de testes para melhorar sua performance, por exemplo —, fizeram o mercado refletir diante de uma profunda transformação que era necessária: a da cultura das empresas.

A cultura de cada empresa passou a focar no comportamento ético para afastar a desconfiança e a descrença em relação aos escândalos que afetaram a imagem de uma série de empresas que tiveram problemas.

Líderes e liderados diante da ética empresarial

A ética empresarial também deve fazer parte das rotinas de líderes e liderados. O bom líder sabe lidar com todas as situações de uma maneira coerente. Sempre agindo com responsabilidade e seguindo as normas da empresa.

Para que todos os colaboradores possam agir em conformidade com o código de ética da empresa, esta necessita criar e divulgar as regras . Elas devem promover o desenvolvimento interno em relação ao meio social, aos clientes e o relacionamento entre líderes e liderados.

Quando se cria um código de ética empresarial, todos os colaboradores, sem exceção, devem conhecer o conteúdo, valor e os significados presentes no documento. A Roche, empresa do ramo farmacêutico, por exemplo, adotou uma política anti suborno e um código avançado de ética. O objetivo é diminuir problemas com direitos humanos, impactos ambientais e governança corporativa.

A relação entre a responsabilidade social e a ética empresarial

Entre os valores que o código de ética empresarial de uma organização deve ter, precisamos encontrar a responsabilidade social. A empresa que deseja ser vista com bons olhos pelo mercado, funcionários, clientes e o público de uma forma geral necessita ter um senso de responsabilidade social.

O interesse pela solução de problemas sociais pode ser demonstrado por meio de programas, cujo objetivo é beneficiar a população local. Isso pode ser feito com ações que promovam a cultura, a preservação do meio ambiente e o acesso da comunidade à educação. A empresa que tem um engajamento em prol da responsabilidade social consegue crescer e se desenvolver junto à sociedade.

A Puma, empresa de artigos esportivos, foi considerada uma organização séria em relação à gestão ambiental e dos trabalhadores. Primeiro, pois busca alternativas sustentáveis na fabricação de seus produtos. Segundo, pois incentiva a igualdade de oportunidades para seus colaboradores e  procura dar melhores condições de trabalho a eles.

Habilidades gerenciais e a ética

A ética empresarial está presente nas habilidades e competências dos executivos atuais, como a gestão, a liderança, a negociação, a comunicação e a inovação. Por esse motivo, é importante fazer uma reciclagem que atualize suas habilidades em gestão empresarial, inovação e visão estratégica, técnicas de negociação e coaching. Mantendo-se atualizado profissionalmente, você consegue revolucionar sua carreira.

Quer saber como desenvolver competências para melhorar a ética empresarial na sua organização? Clique aqui e tenha acesso a todas as informações sobre o curso Formação de Gestor Like a Boss da BLB Brasil Escola de Negócios!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *